Quinta, 06 Novembro 2014 21:52

Todos juntos pela paz

No mundo, existem diversos  conflitos que acometem a vida de milhares de crianças e jovens, como a guerra entre  a  organização  terrorista  árabe  Hizbollah  e  Israel  que  levou  a  mais  de  mil  mortos  no  Líbano  e  mais  de  cem  em Israel  entre  os  meses  de  julho  e  agosto  deste  ano.
No Brasil, embora não existam guerras "declaradas", os números da violência são alarmantes. De acordo com o  Mapa da  Violência  2014,  o  país  ocupa  o  sétimo  lugar  no  ranking  dos  100  países  mais violentos.  Em  São  Luís, segundo  as  estatísticas  do  site  da  Secretaria  de  Segurança  Pública  do  Estado,  no  mês  de  agosto  foram contabilizados  91  homicídios.  Estes números demonstram  que  é  preciso  agir  e  que  a  sociedade  precisa  de mudanças  positivas.

Outro trecho da Carta Aberta: "Gandhi ensinava que, se desejamos a paz, devemos nos preparar para ela, sendo a  própria  paz  o  caminho  e  cabendo  a  cada  um  de  nós  sermos  a  mudança  que  desejamos  para  o  mundo".

Portanto, diante  dessa  realidade  e  com  base  na  reflexão  inspirada  por  Gandhi  e  outros  tantos  ícones  da  paz mundial, como Madre Tereza de Calcutá e Martin Luther  King,  no ultimo final de semana  de agosto foi realizada, na  Avenida  Litorânea,  a  "Caminhada  da  Paz",  promovida  pela  Escola  Upaon-Açu,  com  o  objetivo  de  alertar  e sensibilizar  as  pessoas  de  que  é  preciso  agir  para  que  se  possa  ter  uma  sociedade  mais  fraterna.  Este  ano,  o  evento teve  como  tema  "Caminhada  pela  vida  e  segurança  das  crianças  e  adolescentes  do  mundo"

Maiores Informações